sexta-feira, 12 de abril de 2013

I Love Bugo Art Burgers


Bom dia!
Já passei tantos momentos agradáveis no Bugo Art Burgers que é, para mim, difícil fazer-lhe jus usando meras palavras. O “Bugo” (como gosto de lhe chamar) parece apenas mais um restaurante na Rua Miguel Bombarda, mas, desenganem-se, não o é! Este sítio apresenta-nos hambúrgueres deliciosos que fogem ao conceito habitual de fast food, servindo todo o tipo de hambúrgueres – carne, peixe e, os que realmente me interessam, vegetarianos.
Foto daqui

A primeira vez que considerei que ser vegetariana era, afinal, algo concretizável foi neste restaurante quando provei o hambúrguer de grão-de-bico e me apercebi que a comida vegetariana é simples, é normal e, acima de tudo, é deliciosa. Dois anos e uma mudança alimentar depois ainda adoro os hambúrgueres vegetarianos que aqui são confeccionados. Existem três: de feijão-preto, de grão-de-bico ou de lentilhas (o meu preferido que, ainda por cima, é vegan). Se os bons hambúrgueres não são razão suficiente para garantir uma visita a este espaço permitam-me que vos fale das óptimas entradas ou dos molhos (hmmm, chutney de manga!) e as batatas assadas que os acompanham e aos quais não será assim tão difícil dedicar umas quantas odes.
É um bom restaurante para almoçar durante a semana já que tem menus executivos que acabam por ficar bastante em conta - 6,5 euros no caso do hambúrguer vegetariano. Estes menus incluem couvert, bebida, prato e café. Se quiserem experimentar será prudente fazer uma reserva já que há muita gente que, como eu, se apercebeu do potencial do Bugo Art Burguers.

A minha entrada preferida - cannellonis de beringela com requeijão
Foto daqui

Hambúrguer de feijão-preto com chutney de manga

Hambúrguer de lentilhas com molho Itália

Hambúrguer de Grão-de-Bico, foto daqui
 Para mais informações visitem o facebook e o site.
Fica aqui um agradecimento a uma querida amiga e autora do Compassionate Cuisine, Márcia Gonçalves, por me deixar usar as fotos dela neste artigo. Somos uma bela equipa (de gulosas...).

7 comentários:

Limited Edition disse...

se vieres a lisboa experimenta o jardim dos sentidos. é vegetariano, tem um buffet óptimo durante os almoços da semana e a comida é excepcional. é dos meus restaurantes favoritos pela maneira como confeccionam e o espaço é lindíssimo. e eu não sou vegetariana!

Maria Monteiro disse...

Recordações daquele almoço após a noite em que não dormi nada <3

Beatriz disse...

Limited Edition: Muito obrigado pela sugestão, está anotadíssima :D

MJ: quem ler isso acha que estiveste numa rave a noite toda x)

Márcia Gonçalves disse...

Uma bela equipa de gulosas mesmo! Imagina que hoje estava no supermercado e lembrei-me logo de ti quando vi um produto novo de comida étnica. Pensei: "tenho de dizer à Beatriz, aposto que ela não imagina que existe este tipo de comida pronta a comer vegan!".
Um dia vamos abrir um restaurante, está comprovado...

Mas voltando ao post... Foi sem dúvida uma tarde muito divertida, com um almoço bem servido e delicioso! Recomendo a todos :)

Beatriz disse...

Ai, a sério? Tens mesmo de me mostrar! O próximo almoço vai conter comida étnica, certamente.

Liliana Pereira disse...

Quero ir ao porto daqui a uns tempos e vais me levar a conhecer esta rua, porque que casa vez que ouço falar dela só tem coisas fantásticas!

Beatriz disse...

Liliana, tenho todo o gosto. Levar pessoas a conhecer o Porto é o meu hobbie preferido :D